26 de jun de 2013

Vereadores aprovam Moção de Congratulações ao 6º Congresso

A Câmara de Vereadores de Curitibanos, por sugestão do Vereador Sidnei Furlan (PT) aprovou por unanimidade no dia 13 de junho uma Moção de Congratulações ao 6º Congresso Estadual do SINJUSC realizado de 5 a 8 de junho em Balneário Camboriú. Os vereadores exaltaram a importância dos temas tratados e dos painelistas que participaram do evento dentre os quais, a Reforma do Judiciário como forma de democratização do acesso à justiça e a virtualização do processo.


Os parlamentares também destacaram as mobilizações dos trabalhadores do Judiciário e do SINJUSC no sentido de agilizar a aprovação da PEC190, uma luta histórica da categoria e que atualmente encontra-se pautada para apreciação dos Deputados no Congresso Nacional. O Vereador de Curitibanos, Sidnei Furlan é Técnico judiciário Auxiliar lotado naquela comarca.

17 de jun de 2013

Plenária final define plano e eixos de lutas

Os delegados eleitos pelas comarcas debateram em grupos de trabalho e depois, na plenária final, deliberaram sobre os Eixos e Plano de Lutas para o triênio 2014-2016. As propostas apresentadas e aprovadas na plenária foram as seguintes:
Lutar pela aprovação da PEC 190 e pela construção de um Estatuto único que represente avanços para os trabalhadores do judiciário
Manter e ampliar a luta conjunta com as demais entidades em temas que guardem relação com bandeiras defendidas pela categoria
Defender o concurso público como a forma legítima de ingresso ao quadro do judiciário e acesso aos cargos e funções nele existentes
Seguir priorizando a atuação negociada e propositiva, construindo caminhos sempre em conjunto com a categoria e respeitando os fóruns deliberativos da entidade

6º Congresso foi nota 10!

Um dos maiores congressos dos trabalhadores do judiciário catarinense fortaleceu a opinião sobre o papel do Sindicato: o SINJUSC e as conquistas da categoria são construídos com mãos que ajuntam forças em coletivo sem deixar ninguém pelo caminho.
            Os delegados e observadores do 6º Congresso deram um passo adiante na formação ao participar de paineis que reuniram num mesmo local, em quatro dias, expoentes dos campos jurídico, como o membro do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) José Guilherme Vasi Werner e o desembargador do Tribunal Regional do Trabalho do Rio Grande do Sul Ricardo Carvalho Fraga.

11 de jun de 2013

Sindicato lançou A Casa de Ferro durante o Congresso

O SINJUSC lançou mais uma publicação durante o 6º Congresso em Balneário Camboriú. Depois do gibi A Loucura do Trabalho e da História em Quadrinhos (HQ) A Hora das Capivaras, o Sindicato entregou A Casa de Ferro. Se a primeira propõe ao leitor pensar no resultado do trabalho sobre o ser humano, e o a segunda, sobre a organização dos trabalhadores na defesa de objetivos comuns, A Casa de Ferro provoca o despertar e a permanente vigília diante da alienação e do individualismo.

10 de jun de 2013

Painelistas elogiam 6º Congresso. Categoria lotou auditório e participou dos debates

O sucesso do 6º Congresso do SINJUSC pode ser medido por fatos registrados desde a abertura, na noite de quarta-feira, 05/06, e que foram se repetindo até o encerramento, por volta do meio-dia de sábado, 08/06. Um deles foi a verificação, em todas as atividades, de uma plenária que manteve o maior auditório do Hotel Marambaia lotado, e o interesse dos delegados nos assuntos das mesas. O outro ponto de análise sobre o sucesso do Congresso de 2013 vem com as declarações ao público de participantes das mesas de debate.

7 de jun de 2013

6º Congresso revive Jango e debate o Brasil

Uma sessão de cinema realizada na noite desta quinta-feira marcou a história dos congressos dos trabalhadores do Poder Judiciário de Santa Catarina. Além da emoção que predominou com a chegada do filho do ex-presidente da República João Goulart, o Jango, João Vicente Goulart, prosseguiu com a apresentação do documentário Dossiê Jango e, depois, com as declarações da deputada estadual Ângela Albino e com as intervenções dos congressistas no debate.

Diretor do SINJUSC entrega cartaz de 1960 a filho de Jango

O filho do ex-presidente da República João Goulart, João Vicente Goulart, recebeu um presente inesperado na noite de sexta-feira, enquanto apresentava os motivos pelos quais foi realizado o filme Dossiê Jango. Das mãos do diretor do SINJUSC Alessandro Jorge Pickcius, recebeu, em uma moldura, um cartaz de propaganda eleitoral de 1960, ano em que Jango foi eleito vice-presidente do Brasil. Pickcius disse que encontrou o material quando era criança em uma casa em Itaiópolis, um dos dois municípios brasileiros em que Jango não venceu. Ele preservou o cartaz e o emoldurou. Ontem, teve a oportunidade de entregar ao filho do ex-presidente. João Vicente disse que o cartaz será colocado no Memorial pela Liberdade João Goulart. Jango foi o presidente deposto pelo golpe militar brasileiro em 1964. Ele morreu em 1974, no exílio, na Argentina. O documentário Dossiê Jango levanta a possibilidade de ele ter sido envenenado. Os restos mortais devem ser exumados por peritos internacionais. (Foto Rubens Lunge)

Ritmo, produtividade e tecnologia. E menos trabalhadores


O Mestre em Direito Econômico e Político e professor da Universidade Mackenzie Jonathan Erkert e o Doutor em Saúde Pública, professor e pesquisador Herval Pina Ribeiro debateram O 'Novo' Trabalho Judiciário a Partir da Virtualização do Processo e de saída desqualificaram a possibilidade de alguma novidade naquilo que pode ser denominado processo de produção do judiciário.

6 de jun de 2013

Lola: mulheres e homens libertos do machismo

Mulheres e judiciário, fio condutor que constava no programa para a intervenção da blogueira e professora da Universidade Federal do Ceará Lola Aronovich não impediu que ela avançasse para um conceito mais amplo na última mesa da tarde desta quinta-feira no 6º Congresso do SINJUSC.

A democratização do Poder Judiciário é necessária para a sociedade

O desembargador do Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região (Rio Grande do Sul) Ricardo Carvalho Fraga e o servidor do Tribunal Regional do Trabalho de Santa Catarina Caio Rubens Teixeira abordaram a Reforma do judiciário: um olhar em perspectiva no 6º Congresso do SINJUSC, nesta quinta-feira. Na análise dos dois, o judiciário precisa caminhar para a democratização para atender melhor a sociedade.

Dari Krein lança livro que investiga os malfeitos do neoliberalismo

O professor e pesquisador José Dari Krein lançou o livro As Relações de Trabalho na Era do Neoliberalismo no Brasil no final dos trabalhos do 6º Congresso do SINJUSC na manhã desta quinta-feira, 06/06.
O autor e a obra foram apresentados pelor diretor da Federação Nacional dos Servidores do Poder Judiciário nos Estados (FENAJUD) e SINJUSC, Volnei Rosalen. Ele destacou a importância da permanência da obra, destacando que "as ideias do neoliberalismo ainda estão muito presentes" e que, aos trabalhadores, "a atuação coletiva é sempre necessária para evitar retrocessos e perdas de direitos".

Aumentam os direitos, aumenta a demanda por justiça

O debate sobre a origem e o significado do crescimento das demandas judiciais no Brasil trouxe para o 6º Congresso do SINJUSC o conselheiro do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) José Guilherme Vasi Werner e o advogado Camilo Onoda Caldas doutorando em filosofia e teoria geral do direito. A mesa foi mediada pelo presidente do Sindicato dos servidores do judiciário de Alagoas (Serjal).

Uma década de luta dos trabalhadores

Um debate que analisou o sindicalismo no Brasil nos dez anos de governo popular abriu o segundo dia do 6º Congresso Estadual do SINJUSC. Participaram o Professor da Unicamp, José Dari Krein, Dr. Em Economia Social e do Trabalho e o vice-presidente da Central de Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil Nivaldo Santana. A mediação foi feita pelo presidente da Fenajud, Walter Assis Macedo. Na opinião dos palestrantes, houve avanços significativos para o sindicalismo nesta década, especialmente se comparada com as décadas anteriores.

5 de jun de 2013

Aberto o 6° Congresso dos trabalhadores do judiciário de SC

Uma abertura rápida e com conteúdo. Foi com esta orientação que os organizadores começaram os trabalhos do 6° Congresso Estadual do SINJUSC a partir das 19h30min desta quarta-feira, 05/06, no Hotel Marambaia, em Balneário Camboriú.
Cerca de 200 pessoas participaram do ato, seguido de jantar de confraternização no local do Congresso. O atraso de 30 minutos ocorreu pela expectativa de chegada do conselheiro do Conselho Nacional de Justiça José Guilherme Vasi Werner, que desde as 8 horas da manhã deslocou-se entre o Rio de Janeiro e a sede do evento. Nesta quinta-feira, o conselheiro participa de uma mesa do Congresso - veja toda a programação aqui.

Conselheiro do CNJ na mesa de abertura desta quinta-feira

Conselheiro Vasi Werner
O conselheiro do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) José Guilherme Vasi Werner participa da primeira mesa do 6º Congresso Estadual do SINJUSC. O debate trata da Origem e Significado do Crescimento das Demandas Judiciais no Brasil. O conselheiro passou toda a quarta-feira em deslocamentos entre o Rio de Janeiro e Balneário Camboriú.

4 de jun de 2013

Cultura e sociedade no 6º Congresso Estadual do SINJUSC

O 6º Congresso do SINJUSC reúne mais de 200 delegados do Poder Judiciário de Santa Catarina, observadores, debatedores e convidados para abordagens de temas específicos dos servidores da justiça catarinense, mas também da sociedade. A organização também preparou eventos culturais colados na realidade.

3 de jun de 2013

Artista cede imagem de painel para SINJUSC utilizar no 6º Congresso

Um grande artista brasileiro cedeu o direito de uso de um painel sobre a liberdade para ser utilizado pelo SINJUSC no 6º Congresso Estadual. Parte do painel de Abelardo Germano da Hora acompanha trecho de poema do autor catarinense Rubens Lunge sobre a necessidade do pensamento coletivo.
Desde o início dos anos de 1970, Abelardo Germano da Hora reside na capital do Pernambuco, mas antes já havia obtido reconhecimento mundial por suas obras.